decoração de apartamento pequeno decoração de apartamento pequeno

Veja dicas de como organizar os móveis em um apartamento pequeno e ganhar espaço

7 minutos para ler

Montar um ambiente otimizado, garantindo o máximo de proveito espacial, é um dos grandes desafios atualmente. Isso porque não basta somente preencher os espaços vazios, é necessário organizar corretamente os móveis, optando por modelos funcionais e práticos para facilitar o dia a dia e realizar uma decoração de apartamento pequeno de qualidade.

Foi pensando nisso que desenvolvemos este artigo com as melhores dicas para você ambientar o seu lar de forma confortável, investindo em uma decoração que traga praticidade e custo-benefício. Vamos lá? Acompanhe a leitura!

Utilize armários e prateleiras suspensas

Decorar um ambiente reduzido implica em lançar mão de itens práticos que trazem facilidade ao dia a dia, não é mesmo? Por isso, para garantir que a sua casa fique bem otimizada, o ideal é investir em armários e prateleiras suspensas, já que elas aproveitam o espaço que antes não seria utilizado.

Por exemplo, se você tem uma cozinha reduzida, trabalhar com armários suspensos na horizontal traz a sensação de amplitude para o ambiente ao mesmo tempo que libera espaço para cozinhar com facilidade.

Além dos armários, você pode — e deve! — investir em prateleiras suspensas, dando prioridade para aquelas que ficam localizadas perto do teto. Com isso, você cria linhas horizontais no cômodo, que favorecem a percepção de um ambiente ampliado e alongado.

Ainda, se você quer economizar, uma excelente forma de transformar o seu espaço é utilizar cestas suspensas, principalmente no banheiro ou lavanderia, já que elas trazem o estilo boho chic com bastante eficiência e, ainda, garantem um bom local de armazenamento sem comprometer a movimentação.

Aproveite os cantos das paredes

Uma das dicas mais práticas para otimizar espaço e garantir uma bela decoração de apartamento pequeno é aproveitar as áreas verticais, tendo em vista que as horizontais não poderão ser utilizadas com tanta facilidade.

Além disso, ao aproveitar os espaços verticais, você ganha mais liberdade para trabalhar a estética da sua casa, criando elementos decorativos diferenciados que vão compor um ambiente agradável, refletindo a sua personalidade e, ainda, encantando as suas visitas.

A dica é, então, além de investir em armários e prateleiras suspensas, utilizar os cantos das paredes, criando estantes e nichos diferenciados para armazenar livros, revistas e objetos decorativos.

Aposte em estantes vazadas

Nos apartamentos pequenos, é muito comum querer separar os cômodos para garantir que cada canto tenha o seu espaço determinado. No entanto, as paredes acabam tirando muito espaço que poderiam ser aproveitados de outra maneira.

Para evitar que isso aconteça e ainda garantir uma divisão de qualidade, que tal implementar estantes vazadas no seu apartamento? Elas são ideais para trazer privacidade para o ambiente sem perder um espaço considerável.

Por exemplo, se a sua casa foi desenvolvida com a sala e o quarto em um ambiente só, você pode colocar a estante entre os dois cômodos e utilizar uma televisão como o elemento central, podendo ser aproveitada tanto na sala quanto no quarto.

Além disso, é possível colocar pequenos objetos decorativos que combinam com o estilo minimalista e trazem a sua personalidade para seu lar.

Trabalhe com a ilusão de ótica

Este é o grande segredo dos arquitetos e designers de interiores: trabalhar com a percepção e a ótica humana. Afinal, a amplitude é uma questão de sensação, e ela pode ser otimizada no seu ambiente.

Para isso, separamos três técnicas de fácil implementação para você trabalhar na sua casa e compor um espaço convidativo e confortável. Confira!

Invista nos espelhos

O espelho vai muito além de um elemento estético, ele traz suavidade e leveza aos apartamentos reduzidos, estimulando a sensação de amplitude. No entanto, é preciso utilizá-lo com bom senso para evitar exageros e, por consequência, angústia nos moradores.

O indicado é colocá-los nas áreas de circulação, de preferência embutidos nos móveis, como armários, portas e bancadas. Ainda, é possível aplicá-los nas paredes — tanto na vertical quanto na horizontal — para aumentar a largura do cômodo.

Utilize papel de parede

Os papéis de parede são elementos decorativos muito utilizados atualmente, tendo em vista sua praticidade, versatilidade e facilidade de aplicação. Com diversos modelos disponíveis, é possível aplicá-los em diferentes ambientes e garantir uma decoração criativa.

Além disso, eles são excelentes elementos que estimulam a amplitude do ambiente. Por exemplo, se você investir em papéis com listras na horizontal, você garante um cômodo mais largo. Já aqueles com listras verticais, elevam o pé direito da casa.

Para escolher o ideal, considere os seus gostos e preferências, optando por modelos que estimulem a amplitude do espaço e que exprimem a sua personalidade. Assim, você evita que o modelo fique enjoativo e, ainda, garante uma boa otimização.

Dê preferência aos móveis multiuso

Todo e qualquer ambiente bem otimizado implica na utilização de elementos que trazem praticidade para o cotidiano. Por isso, uma dica muito funcional é lançar mão de móveis multiuso, já que eles evitam a utilização de diferentes objetos, liberando mais espaço.

Procure investir em mesas laterais, cama box com gavetas, sofás com assento para os dois lados, pufes que viram baús e mesas suspensas que viram estantes. Ao optar por móveis que tenham mais de uma utilidade, você monta um ambiente otimizado e divertido.

Utilize cores neutras

Atualmente, existem diversos elementos coloridos e criativos que podem ser utilizados na decoração. Embora eles tragam uma estética diferenciada para os cômodos, o ideal para ambientes pequenos é utilizar cores neutras, como o bege, cinza claro e o branco, já que elas auxiliam a ampliar o espaço.

O segredo é aplicá-las nas paredes, teto e piso e investir em objetos decorativos coloridos e de outros materiais — como a madeira —, para trazer vida ao espaço. É possível, ainda, optar por uma cor central que será utilizada em todo o apartamento, e alternar com outros estilos de acordo com cada ambiente.

Por exemplo, se você escolher o bege claro como principal, é possível utilizá-lo tanto no piso quanto na parede da sua casa para trazer a sensação de harmonização entre os cômodos. Assim, se torna mais fácil combiná-lo com diferentes tonalidades em cada ambiente, garantindo uma continuidade decorativa sem perder de vista a essência de cada espaço.

Trabalhe a iluminação

Por fim, a última dica que listamos é investir na iluminação. Muitas vezes, achamos que não é necessário pensar no projeto luminotécnico dos ambientes, no entanto, a sensação de amplitude e parte do conforto estético e visual é de responsabilidade da iluminação.

Para garantir que o seu apartamento fique perfeitamente iluminado, o ideal é investir na combinação entre iluminação indireta, que não incide a luz diretamente no ambiente, e a direta, que cria um foco luminoso, lançando mão de pequenos spots embutidos em sancas de gesso ou em lustres plafon em conjunto com um pendente.

Além disso, não tenha medo de explorar a iluminação natural, facilitando sua entrada por meio de janelas grandes e sem bloqueios. Com isso, você permite que cada canto seja evidenciado, garantindo um ambiente mais espaçoso e confortável.

Realizar a decoração de apartamento pequeno não precisa ser um desafio. Lançando mão de móveis multiuso, prateleiras e armários suspensos, técnicas de ilusão de ótica e uma boa iluminação, você garante um espaço bem otimizado e ambientes confortáveis para proporcionar uma boa confraternização entre você, sua família e seus amigos.

E então, gostou do nosso artigo? Se ficou com alguma dúvida ou tem alguma experiência sobre o assunto para contar, deixe um recado nos comentários. Ficaremos felizes em ajudar!

Móveis e decoraçãoPowered by Rock Convert
Posts relacionados

Deixe uma resposta

Dúvidas? Converse com a gente!